domingo, 10 de junho de 2012

CATEDRAIS MEDIEVAIS NA ITÁLIA

skip to main | skip to sidebar INICIO GLÓRIA CLUNY TEMAS CANÇÕES DE GESTA Canções de gesta Gesta Dei per francos CAVALARIA Cavalaria Ordens de Cavalaria Templários CIVILIZAÇÃO CRISTÃ Carlos Magno Civilização Cristã Cristandade Cruzadas Blog As Cruzadas França CIÊNCIA Arquitetura Astronomia Ciências Invenções Progresso Técnica CLASSES SOCIAIS Classes sociais Clero Papas Reis Nobreza Feudalismo Escravidão Trabalho Vassalagem CULTURA Arte Cultura Literatura Simbolismo Direito ECONOMIA Agricultura Agricultura Economia Impostos Família Guerra História IGREJA Igreja Educação Universidade Hospital Inquisição Mosteiros Nossa Senhora Paz União Igreja-Estado APRESENTAÇÕES AULAS CODEX (diversos) GREGORIANO GREGORIANO (MP3) MÚSICA NATAL VIDEOS 360º Blog Idade Média CASTELOS CERIMÔNIAS POWERPOINTS VIDEOS 360º CATEDRAIS ABADIAS MÚSICA ÓRGÃO SINOS VIDEOS VITRAIS 360º 360º só França CIDADE VIDEOS MÚSICAS 360º CONTOS CANTIGAS CRUZADAS APOLOGIA CANÇÕES DE GESTA MUSICA VIDEOS 360º PAPAS Beato URBANO II Carta de Instrução "Popolo dei Franchi" Sermão em Clermont-Ferrand Outro testemunho PIO II Pascoal II São Gregório VII São Pio V João VIII Inocêncio III SANTOS São Bernardo A franceses e bávaros Sermão Elogio dos Templários São Francisco de Assis Mansidão e força Diante do Sultão Exemplo pessoal O Direito de Cruzada São Luís IX Retrato pelo príncipe de Joinville São Luís e o mameluco Morte na IX Cruzada Santa Teresinha Beato Marco d'Aviano HERÓIS Balduíno IV Carlos Magno Godofredo de Bouillon Santa Joana d'Arc Santa Clotilde Ricardo Coração de Leão São Luís IX, rei São Nuno Álvares Pereira VIDEOS ORAÇÕES CANTICOS NATAL Semana Santa e Páscoa VIA SACRA VIDEOS Nossa Senhora Milagres Corpus Christi São Bernardo São Fernando SIMBOLOS Este Blog Links Este Blog Links Novas formas de visualizar o blog: terça-feira, 1 de março de 2011 O Pálio de Siena, relíquia palpitante de vida da Civilização Cristã (1) Quem, viajando pela Toscana, chega de noite a Siena, e após atravessar suas majestosas muralhas percorre suas ruas antigas e tortuosas, cheias de mistérios e de encanto, até a Piazza del Campo, centro da história da cidade através dos séculos, e subindo pela Via di Cittá encontra a catedral, a mais linda jóia da arte medieval italiana, na riqueza de seus mármores e mosaicos, sente a impressão de ter penetrado num mundo de sonhos. No silêncio e solidão da noite, a cidade como que esconde o que tem de atual, de moderno. Paira no ambiente apenas o perfume da civilização medieval, da qual ela foi um glorioso expoente e é hoje fiel testemunho. Siena foi na Idade Média um dos centros mais florescentes da Itália, pelo valor militar e pelo gênio artístico de seus filhos. Mas foi grande sobretudo pelo espírito católico que os vivificava, e que deu à Igreja Santa Catarina e São Bernardino, aos quais seu nome está imortalmente ligado. Expoente outrora da civilização cristã, hoje a cidade não é senão um retrato do que foi. Duas vezes por ano, contudo, ela revive, os habitantes retomam os trajes antigos, as corporações de artesãos ressurgem. Bandeiras medievais são hasteadas, ouvem-se trombetas e tambores de guerra, e, como que saído por encanto de alguma iluminura, um esplêndido cortejo entra na Piazza del Campo ante os olhos maravilhados dos espectadores. E a festa do Pálio, realizada tradicionalmente desde o século XIV, na qual Siena parece voltar ao passado, oferecendo uma visão encantadora da alma guerreira, artística e religiosa da Idade Média. Séculos de glória militar Siena é uma das cidades mais velhas do mundo. Foi na Antiguidade um centro etrusco, depois gaulês, e por fim romano. Nos primórdios da Idade Média era constituída por três povoações em redor de outros tantos castelos: Castel Vecchio, Castel di Val di Montone, agora convento dos Servos de Maria, e Castellare de Camollia, hoje desaparecido. Depois esses pequenos burgos cresceram até se encontrarem em torno da Piazza del Campo, que se tornou o centro de Siena. Ali se edificou, em 1297, o Palácio Público, com a torre Mangia, de 102 metros de altura. Seu sino marcava a vida da cidade, soando alegre nas festas, fúnebre nas calamidades e vibrante ao chamar para a guerra. Sucederam-se séculos de glória militar e de florescimento artístico. Foi construída a catedral, toda de mármore, listrada de preto e branco, a obra-prima do estilo gótico italiano. Duccio de Buoninsegna criou a famosa escola sienense de pintura, que no século XIV alcançou seu apogeu. Em 1555, porém, após uma resistência heróica, a cidade foi dominada pelas forças de Carlos V e anexada ao ducado da Toscana, perdendo para sempre sua independência. A Piazza del Campo, coração da cidade, é semi-circular e apresenta uma ligeira depressão em frente ao Palácio Público. É rodeada de mais dois palácios e de velhas mansões. Por ocasião da corrida, demarca-se uma larga pista entre os edifícios e o centro da praça — pista muito perigosa, devido a dois ângulos retos e à depressão a que nos referimos, exigindo grande perícia dos jóqueis, que montam sem arreio. Continua no próximo post Quero atualizações instantâneas e gratuitas de 'A cidade medieval' em meu email Postado por Luis Dufaur às 09:58 More Sharing ServicesShare | Share on facebookShare on myspaceShare on googleShare on google_plusone Marcadores: Palio di Siena, Siena 0 comentários: Postar um comentário Postagem mais recente Postagem mais antiga Início Assinar: Postar comentários (Atom) Inscreva-se gratis RECEBA AS ATUALIZAÇÕES EM SEU E-MAIL Digite seu email: Orvieto comemora milagre eucarístico, Corpus Christi Fotos deste blog Pesquisar este blog tecnologia Seguidores NAS CATEDRAIS MEDIEVAIS (Plinio Corrêa de Oliveira, 13/10/79, sem revisão do autor) Mais lidos Universidades: genial criação da Igreja medieval As cidades medievais foram o marco do aparecimento de uma das máximas criações medievais: a Universidade. Hoje elas estão tão difundidas no... Tirol: tesouro da Europa central, seriedade, inocência e contemplação A cidade medieval estava profundamente impregnada pela vida do campo. Não havia conflito mas sim armonia profunda entre uma e outra. Estando... A vida urbana medieval iluminada pela luz católica Desde quando acabam as invasões, a vida ultrapassa os limites do domínio senhorial. As famílias não se bastam mais a si próprias. Toma-se... Progresso e desenvolvimento das cidades na Idade Média A história da evolução de uma cidade na Idade Média é um dos espetáculos mais cativantes. Cidades mediterrâneas, como Marseille, Arles, Avig... O paternalismo nas relações de trabalho na Idade Média e o neo-escravagismo trabalhista hodierno Eis o que diz Leão XIII no que toca aos trabalhadores da indústria e do comércio a respeito do paternalismo nas relações de trabalho na Ida... Conceito medieval da família: muitas gerações unidas por uma mesma herança espiritual e material A família foi a alma viva da ordem cristã medieval. A sua influência continuou - e continúa - muito depois. Eis como o erudito Mons. Delassu... A vida urbana e a origem da burguesia medieval Desde quando acabam as invasões, a vida ultrapassa os limites do domínio senhorial. As famílias não se bastam mais a si próprias. Toma-se en... O urbanismo medieval: glória da Igreja Católica O clero multiplicou nossos vilarejos, fez crescer e embelezou nossas cidades. Diversos bairros de Paris, tais como os de Santa Genoveva e ... Integração entre o campo e a cidade na Idade Média Na vida medieval não existia antagonismo entre o campo e a cidade. A cidade estava integrada na vida rural como uma cereja no chantilly. No ... A vida orgânica medieval brotava da vida de família A família é o ponto de partida da vida. E quando a vida da família se projeta na vida social injeta nela sua vitalidade. Nasce assim uma ... Inscreva-se gratis RECEBA AS ATUALIZAÇÕES EM SEU E-MAIL Digite seu email: Um ardil de Filipe Augusto Um bailio de Filipe Augusto, Rei de França, cobiçava a terra deixada por um cavaleiro morto. Uma noite, em presença de dois carregadores que ele tinha pago, fez com que o morto fosse desenterrado, perguntou se queria vender sua terra e propôs-lhe um preço. Naturalmente, o defunto nem se mexeu. Quem cala, consente. Em seguida, algumas moedas foram postas em suas mãos, e o defunto recolocado em seu caixão. Com grande espanto, a viúva viu seus domínios usurpados e se dirigiu ao rei. Convocado, o bailio compareceu ladeado por suas duas testemunhas, que atestavam a realidade da venda. Filipe Augusto percebeu que era trapaça. Levou para um canto um dos carregadores e lhe disse em voz baixa: — Recita-me no ouvido o Padre-nosso. Concluída a oração, o rei exclamou em alta voz: — Muito bem! O segundo carregador foi também convocado. Convencido de que seu companheiro denunciara a tramóia, apressou-se a dizer o que sabia. O bailio foi condenado. (Funck-Brentano, “Ce qu’était un Roi de France") Civilização Cristã: triunfo do Evangelho em toda a vida "O que é uma civilização cristã senão aquela em que todas as esferas da vida pública e privada, os costumes, as instituições, a cultura, a arte, a economia, a política e as leis recebem o influxo do Evangelho?" Plinio Corrêa de Oliveira Catedrais medievais Neste blog: a ordem social medieval. Clique na foto para ampliar Links Verde: a cor nova do comunismo Mapeados imensos aquíferos de água doce no Saara e em toda África 6 horas atrás IPCO - Instituto Plinio Corrêa de Oliveira Ambientalismo: Preservação da Natureza ou Cavalo de Troia? – Considerações sobre o Código Florestal 2 dias atrás Nobility and Analogous Traditional Elites AFP: Britons cheer Queen in poignant jubilee finale 3 dias atrás GPS do Agronegócio Falso dilema: agropecuária X meio-ambiente 3 dias atrás Luz de Cristo x trevas da razão Redução da natalidade: são registrados em Milão mais sobrenomes chineses que italianos 4 dias atrás Luzes de Esperança Catolicismo cresce na China, apesar das perseguições 4 dias atrás Pesadelo chinês 200.000 agonizam em campos de concentração da Coréia do Norte 5 dias atrás Valores inegociáveis: respeito à vida, à família e à religião Pepsi desiste de procurar novos sabores usando células de fetos abortados 5 dias atrás A Aparição de La Salette e suas Profecias Prenúncio do triunfo de Fátima quase cinco séculos antes das aparições – 3 6 dias atrás Glória da Idade Média O grande sorriso medieval: o conto do senhor feudal criminoso, o ermitão piedoso e o misterioso barrilzinho 6 dias atrás Idade Média A rainha Maria Antonieta e sua tragédia na CONCIERGERIE 6 dias atrás Orações e milagres medievais A festa do Divino, a descida do Espírito Santo e a conversão dos homens 1 semana atrás Associação dos Fundadores Vídeo: ONU X Cristianismo: a nova religião da nova ordem mundial 1 semana atrás Castelos medievais Jehay: joia esculpida pelo sonho de uma estirpe nobre 1 semana atrás O que está acontecendo na América Latina? Cuba 2012: o Pastor, o Lobo-Relíquia e Encíclica Divini Redemptoris 1 semana atrás As Cruzadas Balduíno IV: o rei cruzado que atingido pela lepra venceu Saladino e o Islã 1 semana atrás Sou conservador sim, e daí? Nova moral e nova religião universal são bases de um novo Império Romano persecutório 2 semanas atrás Ação Jovem Pela Terra de Santa Cruz Princesa Isabel: documentos confirmam sinais de santidade 2 semanas atrás Lourdes 150º aniversário das aparições Como ir a Lourdes: dicas e experiências 2 semanas atrás Heróis medievais Cerimônia de partida de Vasco da Gama – 2 2 semanas atrás Blog da Família ONU X Cristianismo – Tolerância ao aborto e ideologia de gênero são ingredientes de uma nova religião universal 2 semanas atrás Contos e lendas da Era Medieval Um olho por minha Mãe 2 semanas atrás Ciência confirma a Igreja 2012: o que dizem as profecias dignas de crédito? 3 semanas atrás AGÊNCIA BOA IMPRENSA Apesar de sua poluição extrema, a China presidirá a “Rio+20”! 3 semanas atrás BLOG 7 Dias em Revista Realidade, esta coisa tão necessária... 5 semanas atrás Flagelo russo Cardeal Mindszenty, vítima do comunismo, plenamente reabilitado na Hungria 1 mês atrás Catedrais Medievais Gótico: estilo bom para restaurar a sociedade e a religião em crise, ensinou famoso arquiteto inglês – 2 1 mês atrás Jóias e símbolos medievais Fra Angélico 4: Visitantes “transportados” à Idade Média 1 mês atrás Radar da mídia Sim, eles querem o chavismo! 2 meses atrás Frases e pesamentos de Plinio Corrêa de Oliveira, O Cruzado do Século XX A Cruz e o tédio 5 meses atrás Pela Legítima Defesa que pensa a Igreja Católica sobre o desarmamento? 1 ano atrás Frente Universitária e Estudantil Lepanto Decisiva derrota de Napoleão na Rússia 1 ano atrás Blog Nascer é um Direito Dê seu apoio ao Estatuto do Nascituro 2 anos atrás Castelos medievais Jehay: joia esculpida pelo sonho de uma estirpe nobre Le Lude: castelo de conto de fadas Castelo dos cruzados atrai crescente interesse Tomar: reduto dos templários em desgraça (I) Tomar: reduto dos templários em desgraça (II) Castelos medievais Arquivo do blog ► 2012 (12) ► Junho (1) Cidade medieval: exemplo bom para restaurar a soci... ► Maio (2) Professor medieval: cavaleiro andante no mundo do ... O guerreiro medieval participava da glória do mart... ► Abril (2) Maravilhosa estabilidade do povinho medieval: trab... Sindicatos da Idade Média: com espírito familiar t... ► Março (2) As relações patrão-empregado na Idade Média eram d... A vida urbana medieval iluminada pela luz católica... ► Fevereiro (2) A mística do guerreiro medieval A “visão” mística de Nosso Senhor Jesus Cristo nas... ► Janeiro (3) O clérigo medieval: um apaixonado por Nosso Senhor... Por que a ordem medieval é também uma via para con... Quando os Mandamentos de Deus regem a sociedade hu... ▼ 2011 (30) ► Dezembro (2) Feiras de Natal: o encanto da tradição medieval os... Como nasceu o “Stille Nacht” (“Noite Feliz”) ► Novembro (2) Os reis apoiaram as liberdades e os privilégios mu... Feeria de cores e sons da Paris medieval ► Outubro (2) A mulher na vida quotidiana na Idade Média A mulher na Igreja medieval ► Setembro (2) O papel da mulher na Idade Média A vida rural encravada na cidade ► Agosto (5) Estímulo à cortesia e à dignidade da vida no povo ... As corporações garantiam todas as formas de seguro... A cidade de GENAZZANO: Um urbanismo extremamente p... Palácio da Senhoria de Florença: seriedade e altiv... Exemplo de procissão religiosa com participação of... ► Julho (3) O urbanismo medieval: glória da Igreja Católica A realeza era a grande protetora dos privilégios b... Cada profissão era como um universo autônomo de pr... ► Junho (2) Relações entre patrões e empregados nas corporaçõe... As sociedades de comércio e as corporações de ofíc... ► Maio (3) O cativante espetáculo do desenvolvimento das cida... Dois fatores geradores da vida urbana: o comércio ... A vida burguesa orgânica: fenômeno tipicamente med... ► Abril (3) O Pálio de Siena, relíquia palpitante de vida da C... Cortejo do Prefeito de Londres: resto da ordem mun... O Pálio de Siena, relíquia palpitante de vida da C... ▼ Março (3) O Pálio de Siena, relíquia palpitante de vida da C... O Pálio de Siena, relíquia palpitante de vida da C... O Pálio de Siena, relíquia palpitante de vida da C... ► Fevereiro (1) Prefeitura: símbolo da autonomia da cidade medieva... ► Janeiro (2) Rotemburgo: bom gosto e dignidade na vida popular ... Lordes hereditários atuam melhor que políticos ele... ► 2010 (25) ► Novembro (2) Majestade régia? Desigualdade odiosa? Não! Um juiz... A burguesia rica: cidadãos ilustres e banqueiros ► Outubro (2) Cenas da vida de todos os dias numa cidade medieva... A revolução industrial medieval: os começos da eng... ► Setembro (3) As classes modestas modelavam as classes mais alta... Bruges: vida repousante, comércio e artesanato int... Faça uma imersão de 360º em ambientes típicos de u... ► Agosto (3) O Renascimento Urbano medieval ► Julho (2) ► Junho (2) ► Maio (2) ► Abril (2) ► Março (3) ► Fevereiro (2) ► Janeiro (2) ► 2009 (22) ► Dezembro (1) ► Novembro (2) ► Outubro (2) ► Setembro (3) ► Agosto (2) ► Julho (1) ► Junho (2) ► Maio (2) ► Abril (2) ► Março (2) ► Fevereiro (2) ► Janeiro (1) ► 2008 (10) ► Dezembro (1) ► Novembro (3) ► Outubro (3) ► Setembro (1) ► Agosto (1) ► Maio (1) Orações e milagres medievais Inscreva-se gratis RECEBA AS ATUALIZAÇÕES EM SEU E-MAIL Digite seu email: Páginas Início VIDEOS MÚSICA 360º COPYRIGHT AUTOR DO TEXTO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contador de visitas